terça-feira, outubro 22, 2013

Ação social no Posto da Granja Guarani!!


Para lembrar o Dia das Crianças foram sorteados diversos brindes para as crianças da comunidade da granja Guarani
Para lembrar o Dia das Crianças foram sorteados diversos brindes para as crianças da comunidade da Granja Guarani

- Sorteio de brindes e um lanche reforçado foram oferecidos aos pequenos da comunidade


Nesta segunda-feira, 21, a equipe do Posto de Saúde do bairro da Granja Guarani realizou uma ação social em função do Dia das Crianças. Além do sorteio de brindes e do lanche oferecido aos pequenos, os pais foram lembrados da importância do acompanhamento da saúde dos bebês, das gestantes e das mães no que diz respeito aos métodos contraceptivos.
Cerca de dez crianças participaram da atividade, além das mães que levaram seus bebês. Foram distribuídas saquinhos de pipoca, cachorro quente e sucos para todos os presentes, e as crianças ficaram ansiosas com o sorteio dos brindes e distribuição dos saquinhos surpresas. Uma tarde alegre, mas com muita seriedade, já que um dos objetivos é de enfatizar a importância do acompanhamento da saúde das crianças.
As mães da comunidade foram chamadas para receberem orientação sobre os cuidados com as crianças
As mães da comunidade foram chamadas para receberem orientação sobre os cuidados com as crianças

Aproximação

Ethel Muniz, estudante de medicina do segundo período afirma que além de proporcionar um dia diferente para os pequenos, o evento teve como função principal, aproximar a comunidade da equipe do posto: “Tivemos a ideia de fazer essa ação para promover a alegria das crianças com brincadeiras, lanchinho e sorteio de brindes, e também chamar a atenção dos pais para a importância da adesão da comunidade ao posto. O objetivo é fazer do posto um ambiente que seja extensão da casa deles. Queremos que eles vejam o posto como um local de assistência, de ajuda, e para tirar todas as dúvidas deles com relação à saúde das crianças e também das mães. Queremos que eles se sintam à vontade para discutir assuntos de extrema importância para eles como é o caso do aleitamento materno, higiene pessoal dos adultos e principalmente dos bebês. Esses assuntos não podem virar tabu, eles precisam ser discutidos em locais seguros como é o caso do posto. Aqui eles tem acesso ao atendimento feito por profissionais”.
Para ela, os pais precisam entender a importância de estarem sempre no posto, seja para acompanhar o crescimento dos bebês, ou para cuidar de sua própria saúde. “Tem que ter uma rotina de acompanhamento. Não pode vir só uma vez, e isso das próprias mães, que devem fazer acompanhamento para evitar uma nova gravidez, porque tem casos de mães que voltam aqui com seus bebês já grávidas, fazendo sempre o acompanhamento”, ressalta.
“Sempre fui muito bem atendida aqui todas as vezes que precisei, e isso é muito importante”, conta Andressa dos Santos
“Sempre fui muito bem atendida aqui todas as vezes que precisei, e isso é muito importante”, conta Andressa dos Santos

Tirando dúvidas

Uma das mães presentes, Andressa dos Santos, que é operadora de caixa, afirma que se sente muito à vontade em procurar a equipe do posto para tirar suas dúvidas: “Acho o projeto muito legal porque eles sempre se interessaram pelas nossas crianças. O pessoal aqui sempre procura fazer este tipo de evento, recentemente teve uma reunião sobre a importância da amamentação das crianças, o que foi muito bom para nós porque tirou as nossas dúvidas. Além disso, tudo o que a gente precisa a gente consegue resolver aqui com a equipe que está sempre disposta a tirar as nossas dúvidas. O atendimento é muito bom, eu não tenho o que reclamar. Todas as vezes que eu precisei eles estão disponíveis. A comunidade no geral precisa disso, de pessoas que tenham boa vontade em tirar nossas dúvidas”.
Andressa é mãe da pequena Pérola, que apesar de estar saudável agora, já passou por maus momentos, já que nasceu prematura. A jovem diz que o atendimento no posto ajudou a cuidar da filha tão frágil nos primeiros dias de vida da criança. “Eu sempre procuro o posto quando tenho alguma dúvida, até porque minha filha ficou internada no hospital bastante tempo porque nasceu prematura, mas eu tive um acompanhamento exemplar aqui no posto, e também no Centro Materno, sempre tiraram as minhas dúvidas”, conta.
Para ela, seus vizinhos devem entender a importância do posto e frequentar o espaço para manter uma qualidade de vida. “Acho que todos devem vir e cuidar da saúde aqui. Inclusive a minha avó faz parte do grupo do diabetes e também é muito bem atendida e ela também gosta bastante de participar. Ela sempre é muito bem atendida”, enfatiza.
Créditos:NetDiario.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário