quinta-feira, julho 25, 2013

Feirinha do Alto e as belezas do artesanato!!

Arte, artesanato e variedades. O conceito que define a tradicional  Feirarte, popularmente conhecida como Feirinha do Alto .
A Feirinha recebe todos os turistas e população local aos sábados, domingos e feriados, com a mesma qualidade e beleza, e ainda conta com uma infinita diversidade de produtos, além da famosa Praça de Alimentação!

 Historia: Iniciada por volta de 1973/1974 por quatro moradores da cidade e um grupo de sul americanos, que demonstravam seus produtos puramente artesanais em lonas abertas no meio da praça do alto, visando os turistas que visitavam a cidade de ar puro e clima de montanha. Regulamentada pela prefeitura em 1985, transformou-se na maior feira de artesanato e novidade do estado do Rio de Janeiro.
    
A manufatura e a arte são valores agregados aos objetos e é atrás disso que o turista está quando se dispõe a visitar a feira . No caso de dúvida em relação ao produto vendido, o expositor é visitado e tem que provar que tem condições de produzir o que está vendendo. sob risco de perder a licença.
A disseminação de produtos padronizados, fabricados em larga escala, na minha visão, afasta não só os turistas, mas os consumidores que sabem que podem adquirir esse tipo de produto no comércio local, principalmente em shoppings populares.

A diferença entre artesanato e mercadorias industriais
Peças artesanais e industriais são diferenciadas no momento da sua fabricação. As artesanais são fabricadas por uma ou duas pessoas, geralmente o processo de fabricação é mais lento e a quantidade também é reduzida. Já os produtos industriais são feitos por máquinas, na metade do tempo e em maior quantidade.Texto Leonardo Calazans - Fotos Magal
  
O artesão mostrando as belezas do seu trabalho!

Nenhum comentário:

Postar um comentário