terça-feira, junho 18, 2013

AMAGG PROMOVE REUNIÃO COM MORADORES DA PEDREIRA

A AMAGG- Associação de Moradores da Granja Guarani / Pedreira realizou mais uma reunião com a comunidade, na noite da última segunda-feira, no bairro da Pedreira.
No encontro, a diretoria da AMAGG comentou as últimas iniciativas da associação, entre elas as parcerias que estão resultando na recuperação do Mirante da Granja Guarani (Quiosque das Lendas) e do Lago Iacy.
Também foram alvo de discussões diversos outros problemas levantados pela comunidade, como o pedido de troca de postes feito à Ampla; questões de atendimento do Posto de Saúde da Granja Guarani; pedido de um semáforo para a Av. Alberto Torres, na altura Fonte Judith, na entrada do bairro; e reunião com a Viação Dedo de Deus para tratar da linha de ônibus Bairro dos Artistas/Pedreira.
Os participantes também definiram como prioridade para novas ações junto ao Poder Público a apresentação das seguintes reivindicações:
Calçamento da Rua Arnaldo Guinle; alternativas para o recolhimento do lixo; regularização do horário do ônibus; e solução da questão da Iluminação pública
Em pontos escuros do bairro.
Sobre a Rua Arnaldo Guinle, a AMAGG vai solicitar o seu calçamento até nas imediações da Alameda da Poranga.  A associação deverá promover um mutirão de limpeza desta via pública e vai propor uma parceria com a prefeitura para a cessão de uma máquina a fim de facilitar o serviço dos voluntários do bairro.
A questão da limpeza e coleta de lixo no bairro também foi muito discutida. Surgiram propostas como a colocação nas ruas de vergalhões em forma de “S” onde seria possível por o lixo em horários próximo a coleta de lixo, bem como o uso de barris em pontos estratégicos do bairro onde os moradores podem deixar os resíduos.
A diretoria da AMAGG informou que marcará mais uma reunião entre a Viação Dedo de Deus e representantes da comunidade. Nesse encontro, serão discutidos problemas como o atraso dos horários do ônibus da Pedreira que fazem o trajeto Bairro dos Artistas; e a circulação das duas linhas também aos domingos e feriados; problemas com o horário fixo do ônibus (com hora marcada de saída de ambos os bairros); e o retorno da linha que fazia Pedreira/ Cemitério, levando em consideração a melhor utilidade dessa última.
Sobre a iluminação pública presidente da AMAGG, Armindo Coelho, levou a conhecimento dos presentes que através de um trabalho independente algumas ruas estão sendo iluminadas, precisando para tal a localização dos postes que estão sem luz, como por exemplo, o nome da rua e número da casa mais próxima do poste. Ficando assim de responsabilidade dos presentes a sinalização desses postes.
No final da reunião, ficou definido que o próximo encontro da AMAGG, entre outros temas, vai debater questões importantes como construções ilegais de moradias na área do Parque Nacional da Serra dos Órgãos e a utilização da

Mina d’água da Pedreira. 
Cesar Rodrigues
Jornalista - Colaborador da AMAGG

2 comentários:

  1. Anônimo20.6.13

    Olá, Tem que ser feito algo com as construções irregulares no alto da Pedreira, invadindo área do Parque Nacional, com venda irregular de terras públicas... Tem que demolir esses barracos

    ResponderExcluir
  2. Anônimo20.6.13

    realmente tem que se fazer algo contra as invasões no topo do morro, invadindo área do Parque Nacional

    ResponderExcluir