segunda-feira, março 04, 2013

Dado o ponta pé inicial para a construção da sede da AMAGG


    Já foi dado o ponta pé inicial para a construção da tão sonhada e necessária sede da AMAGG – Associação de Moradores e Amigos da Granja Guarani e Pedreira. No último final de semana tivemos a honra de receber a visita de dois importantes amigos que muito auxiliam as nossas atividades, o engenheiro Plínio Tourinho e Carmem Chaboudet.
  A planta da sede da AMGG já está praticamente concluída, faltando apenas pequenas alterações que serão feitas no projeto, após a visita do engenheiro ao terreno onde ela será erguida. A sede ficará em um dos endereços mais tradicionais da Granja Guarani, o Largo do Machadinho, ponto inicial “colonização” do nosso bairro, tão logo as terras da Granja começaram a ser liberadas pela família Guinle para os primeiros posseiros que aqui se instalaram aproximadamente lá pelos anos 30. 
A planta contempla um sobrado que será erguido na atual pracinha do Largo do Machadinho, que atualmente está em desuso, servindo de estacioanamento irregular de veículos e ponto de despejo de lixo. A AMAGG tomará conhecimento de detalhes do projeto nesta quinta-feira  (07/02).
O engenheiro Plínio está trabalhando com dedicação no projeto que irá conter salas de recepção e reuniões da associação, um espaço para aulas de artesanato e outras duas salas para aulas de inglês e informática, tudo isso provavelmente na parte di cima do sobrado. Já o térreo terá um amplo espaço destinado à uma Capela Mortuária, um local mais do que necessário para que as famílias da nossa comunidade possam, com dignidade, realizar os velórios dos seus entes queridos.
Anexo à sede da AMAGG deveremos ter também um espaço destinado ao Projeto Social Lutando Pelo Bem que, atualmente, atende a centenas de crianças do nosso bairro, em um importante trabalho esportivo e de inserção social. Hoje, o projeto que forma campeões está precariamente instalado numa pequena sala alugada bem próximo ao Largo do Machadinho.
     Vale ressaltar que a realização do sonho da sede da AMAGG está sendo possível graças à uma negociação muito bem encaminhada com a prefeitura. Neste acordo, o Poder Público vai repassar a área para nossa associação; os materiais será cedidos por importantes parceiros da AMAGG; e a mão-de-obra será toda executada pelos próprios moradores da comunidade em sistema de mutirão.
Cesar Rodrigues Jornalista-Colaborador da AMAGG 

10 comentários:

  1. Cristiano Menendes4.3.13

    Só diretoria. Pessoas nota 1000. Forças positivas se atraem

    ResponderExcluir
  2. Chagas.4.3.13

    São atitude como esta do verdadeiro dever de exercer a cidadania em toda sua plenitude, que nos enche de orgulho de ser teresopolitano por adoção. A luta continua e vocês estão dando um belo exemplo de união em prol da comunidade. Lutas e batalhas surgirão mas o verdadeiro guerreiro não se deixa abater e no epílogo, vence a guerra! Unidos, vocês poderão enfrentar e ultrapassar todos os obstáculos..Abraços e sucesso!!

    ResponderExcluir
  3. Cesar Rodrigues4.3.13

    Belo trabalho da direção da AMAGG. Depois que o Armindo entrou na fase do "Armindinho Paz e Amor", igual ao Lula, o presidente (da AMAGG) tá conseguindo tudo. Capaz até de conseguir ser campeão com seu Vascão. rsrsrs

    ResponderExcluir
  4. Dudu4.3.13

    olhando assim por trz parece muito com Armindo ate a barriguinha kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  5. Anônimo4.3.13

    que deus nos abençoe, merecemos .tudo de bom para o nosso amado bairro ...queremos o melhor para todos noss´´´´é vamos conseguir juntossss com a mesma visão e unao , sempre lutando pelo bem ,,,, boa sorte para todos nos com carinho geizilane ,,,,,em prol de uma nova granja guarani .....

    ResponderExcluir
  6. Geizon Corrêa4.3.13

    Só gente boa na foto!!!

    ResponderExcluir
  7. Carmen4.3.13

    kkkkkkk Meu medo maior nesta luta é a sina do Vasco,rs. Nadarmos, nadarmos, nadarmos pra morermos na praia,rsrrsrsrs.

    ResponderExcluir
  8. Ivan4.3.13

    Parabens a todos que lutam pelo meu bairro essa vai ser a melhor associaçao de todas

    ResponderExcluir
  9. Nestor Vidal4.3.13

    O município de Magé foi integrado ao programa Bairro Novo, instituído pelo governo estadual para pavimentar, drenar e iluminar cerca de mil quilômetros de vias na Baixada Fluminense. Essa nova parceria com o governo municipal foi confirmada ontem durante a inauguração do Centro Vocacional Tecnológico (CVT) de Magé, a 35ª unidade implantada pela Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), que será voltada para a capacitação nas áreas de Construção Civil e Informática, e poderá formar 1,7 mil alunos por ano. Pelo acordo firmado com o prefeito Nestor Vidal, o projeto para o município contempla 55 quilômetros de ruas novas. Além disso Magé vai ganhar unidades do programa Clínicas da Família, uma delas destinada ao bairro Fragoso.
    “Eu acho que é uma marca fantástica do nosso governo inaugurar o 35° CVT. São 200 mil pessoas, principalmente jovens, se formando por ano. Pessoas que vão chegar ao mercado de trabalho qualificadas. Quando o cidadão está capacitado, passa a ganhar mais, o salário melhora. Então, o povo de Magé vai aproveitar o que o Rio está vivendo de crescimento econômico, com melhora do salário e mais dignidade às famílias mageenses. Estamos lutando também para trazer uma grande fábrica aqui para o município e vamos fazer aquela obra de acesso, a ponte de Mauá, que é um sonho aqui de Magé”, disse o governador Sérgio Cabral.

    Satisfeito com mais uma parceria com o estado, o prefeito Nestor Vidal destacou a importância do bom relacionamento institucional que marca o que chama de nova realidade. “É muito bom receber o governador aqui em Magé, mais uma vez para dar ao povo de Magé, algo que é como o oxigênio, porque a construção do nosso município se fará com a educação, que estamos investindo maciçamente. Quero em nome do povo de Magé, agradecer ao estado por esta obra”, disse o prefeito .

    Com área total de 3.498 metros quadrados, o CVT de Magé recebeu um investimento de R$ 3,5 milhões. Segundo o presidente da Faetec, 2.496 pessoas já se inscreveram no site da fundação para estudar na unidade recém-inaugurada, que oferecerá 12 cursos de qualificação e dois técnicos. Os cursos de qualificação têm de 160 a 320 horas no total, enquanto os técnicos têm carga horária de 800 horas, que equivale a um ano de duração. “O CVT é um dos programas mais exitosos do Brasil hoje, em termos de qualificação profissional e formação técnica. A escolha de Magé para abrigar este CVT não foi aleatória, atende a duas demandas. A primeira é a local, devido ao forte crescimento da Baixada Fluminense na área de Construção Civil. E a segunda é a localização muito próxima ao Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro (Comperj), que tem intensificado muito a procura de mão de obra”, o presidente da Faetec, Celso Pansera.

    ResponderExcluir
  10. Rubinho Tendler5.3.13

    A AMAGG, faz um trabalho correto em pro da sua comunidade e as ações pertinentes e com reivindicações justas..

    ResponderExcluir